Sábado, 4 de Fevereiro de 2012

Presente ... Passado...

A doce amargura dos momentos,

Pressiona sem marca visível,

O presente segundo...

 

Inesqueciveis recordações,

Que não consigo lembrar...

 

Sentimentos que vivi,

Sensações que senti...

 

Tudo faz parte do passado,

Tudo o que para trás ficou...

 

Cada segundo anterior ao actual

Já pertence ao que passou..

 

Linha ténue entre o presente e o passado

Está connosco lado a lado...

 

escrito por José Santos às 20:20
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Fevereiro de 2011

Quero agarrar o momento...

 

Contornando os espaços vazios...

Fixando o olhar nos locais distantes...

 

Quero agarrar o momento,

Quero dele fazer o meu único pensamento...

 

Ansiando perder-me por entre tudo,

Desejando alcançar tudo o que não me falta...

 

Quero agarrar o momento,

Quero dele fazer o meu único pensamento...

 

 

 

escrito por José Santos às 20:34
link do post | comentar | favorito
Sábado, 5 de Fevereiro de 2011

Desordem...

Quero sentir o insensível...

Quero ver o invisível...

Quero tocar o intocável...

Quero alcançar o infinito...

 

Desejo voar pela superfície...

Desejo andar pelas estrelas...

Desejo correr por entre as ondas...

Desejo nadar por entre a multidão...

 

Sonho com a realidade...

Encaro o sonho como a verdade...

 

 

 

escrito por José Santos às 21:36
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011

Por mim...

Fecho-me num inexistente mundo criado por mim...

Agarro os vazios momentos preenchidos por mim...

Concentro-me em reais recordações esquecidas por mim...

 

Quero gritar bem alto aquilo que não quero dizer...

 

Concentro-me num inexistente mundo criado por mim...

Fecho-me em reais recordações esquecidas por mim...

 

Quero sussurrar bem baixo aquilo que quero reclamar... 

 

 

escrito por José Santos às 20:34
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2010

No rasgado silêncio...

No rasgado silêncio,

No inquieto momento,

Fixo o meu pensamento...

 

Sinto fluir o meu pensamento

Por todo o firmamento...

 

Com um suspiro

Liberto-me...

 

Quero rasgar o tempo,

Quero abraçar o infinito...

 

Quero esquecer o que lembrei,

Quero lembrar o que esqueci. 

 

Fixo o meu pensamento...

No rasgado momento,

No inquieto silêncio...

escrito por José Santos às 22:16
link do post | comentar | favorito
Domingo, 1 de Novembro de 2009

Perdidos...

Quando nos sentimos perdidos,

Em busca de um destino ou de algúem,

Há algo que sempre encontramos,

Mesmo que não seja o que procuramos...

escrito por José Santos às 18:57
link do post | comentar | favorito
Domingo, 11 de Outubro de 2009

Imaginar, sonhar...

Não consigo imaginar,

A vida sem sonhar.

Não consigo sonhar,

Um dia sem imaginar...

 

Posso não fazer tudo

O que anseio fazer,

Posso não dizer tudo

O que quero dizer...

 

Imagino e  sonho

Com o que eu quero fazer,

Sonho e imagino

Com o que eu quero dizer...

 

Imagino com tanta força,

Sonho com tanto crer,

Que diversas vezes,

Penso que o estou mesmo a viver...

 

 

 

 

 

 

escrito por José Santos às 21:48
link do post | comentar | favorito

Quando...

Quando tudo julgamos saber,

Desconhecemos que nada sabemos.

Quando todos julgamos conhecer,

Não nos apercebemos que ninguem conhecemos.

 

Por vezes,

O tomado como certo torna-se no mais inesperado,

Por vezes,

A certeza apenas se tornou numa infíma hipótese.

 

As pequenas vozes que antes assombravam o meu espírito,

Passaram a estridentes berros que trepidam o meu pensamento.

Aquilo que antes não queria pensar,

Agora do pensamento não consigo tirar...

 

O mais inesperado torna-se como certo.

A infíma hipótese tornou-se certeza...

 

 

 

 

 

escrito por José Santos às 21:38
link do post | comentar | favorito
Domingo, 21 de Junho de 2009

O tempo...

O tempo depressa corre,

E muitas vezes parecemos esquecer que

O mais pequeno momento,

Jamais poderemos reviver.

Fica gravado na nossa memória,

Como que guardado,

Como que registado,

Para quando quisermos

Ele ser recordado... 

Da mesma maneira ou não

Da forma que foi vivido...

Com o mesmo sentimento ou não

Que foi sentido....

 

escrito por José Santos às 21:50
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Junho de 2009

Antítese...

Anseio compreender  o incompreensível,

Desejo atingir o inatingível,

Quero saber o desconhecido,

Imploro pelo impossível...

 

Pecorrer os caminhos nunca pecorridos,

Viver os momentos nunca vividos,

Lembrar os minutos nunca lembrados,

Sonhar com tudo o que antes não tenha sonhado...

 

Anseio pelo desejo que quero implorando...

Pecorro vivendo, lembrando e sonhando...

 

 

 

escrito por José Santos às 23:27
link do post | comentar | favorito

.Eu


. Perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

.Fevereiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Palavras recentes

. Presente ... Passado...

. Quero agarrar o momento.....

. Desordem...

. Por mim...

. No rasgado silêncio...

. Perdidos...

. Imaginar, sonhar...

. Quando...

. O tempo...

. Antítese...

.Palavras menos recentes

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds